segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Como a cultura Anunnaki influenciou o Cristianismo


Pegadas fossilizadas, achadas nos EUA



Crânios milenares gigantes expostos no Peru
- A renderização gráfica mostra como seriam as feições faciais. Pelo volume craniano estima-se que o QI estaria entre 350 e 550 e pela variedade de formatos, podemos presumir que mesmo entre os Anunnaki havia diversidade de biotipos. Ou outras raças estiveram aqui, no mesmo período e interagiram com eles.


Crânios milenares gigantes expostos no Peru

Pegadas fossilizadas, achadas nos EUA

Uma questão importante tem que ser levantada para entendermos como a cultura Anunnaki influenciou o Cristianismo:
Podemos presumir que Jesus, de descendência sumérico-hebraica, certamente sabia da existência dos Anunnaki.

Então como ele lidava com isso? Não se pode afirmar que Cristo se referia à ENLIL quando falava em Deus, porque na sua real condição de avatar ele dispunha de conhecimentos transcendentais que certamente iam muito além do mundo físico.

Pode-se supor que ele diferenciava as coisas, evitando a confusão de informações culturais e separando os conceitos de "espírito criador" e "matéria criadora".

Dessa forma, quando falava de Deus, pregando sua filosofia vida, ele estaria se referindo ao Logos Criador e não à ENLIL ou à qualquer outro Anunnaki.

Porém o peso da influência hebraica prevaleceu e a grande massa de cristãos e judeus não teria assimilado a filtragem feita por Jesus, e acabou mantendo o conceito distorcido de que ENLIL seria "O Deus Criador".

E até hoje o seu nome adotado pelos hebreus, Yahwe ou Javé (YWHW), é mencionado como sendo o nome de Deus.

Nesse contexto, podemos levantar uma ousada hipótese:
Tendo sido o império romano, um clone do império faraônico egípcio, sabemos que o politeísmo romano "sampleou" as deidades egípcias.

Aprendendo a história da mesopotâmia, sabemos que os seus deuses e semi-deuses, não eram outros senão ENLIL, ENKI e seus descendentes e agregados.
Muitos corrompidos pelo poder e pela adoração dos homens, eram capazes de tudo para perpetuar suas glórias.

Lembremos que o ofício do sacerdócio começou na mesopotâmia (ou mesmo antes, na Lemúria e Atlântida), onde os Anunnaki transmitiam conhecimentos de ciências e ocultismo, para um seleto grupo de iniciados.

O que no começo era para o bem comum, com o passar do tempo acabou sendo usado para manutenção de poderes.

E esses grupos e sociedades secretas se tornaram ferramentas políticas.
Então ficam no ar, as seguinte questões:

• Os sacerdotes e profetas que não se prestavam à esses objetivos obscuros, não teriam se tornado uma ameaça ao poder de grupos Anunnaki, e seus afins (faraós, imperadores, reis, césares, etc)?

• Teria sido, a perseguição dos egípcios e romanos aos que pronunciavam mudanças sociais como o nascimento de avatares, como Cristo, uma repressão programada para impedir ameaças a estrutura de poder criada pelos Anunnaki?

• Não teria sido, a perseguição e crucificação de Cristo e seus seguidores, uma medida tomada "acima" da esfera de poder romana?


Referência e Fotos :http//osnefilins.tripod.com/

Aline Santos é Jornalista,Terapeuta Holística,Taróloga, Cabalista, Professora, Escritora, Palestrante, e Pesquisadora de Ciências Ocultas, e atende nas áreas de Florais de Bach, Fitoterapia, Aromaterapia, Terapia com cristais, Reiki, Cura Prânica e Tarô Terapêutico.
E-Mail: arcanjo.azul@hotmail.com

3 comentários:

  1. Na minha humilde opinião, Jesus era um Anunaki, pois foi anunciado como filho de Deus, talves Enlil e essa notícia deixou os líderes de Roma apreensivos,pois sabiam que ele (jesus) assumiria o trono do império na condição de herdeiro real. Sendo os romanos conhecedores do potencial anunaki, trataram de aniquilar Jesus e mantiveram-se no poder.Algo deve ter dado errado nos planos dos anunakis, não acho que a morte de Jesus na crus fazia parte deste plano, se é ele que morreu.Eu acho que Jesus não ressucitou, nem foi crusificado, mas como não assumiu o reino, voltou à Nibiru e deve estar vivo até hoje, pois sabemos que os anunakis atingem idades avançadas,com dois mil anos jesus ainda é jovem.Não seria a estrela dalva Nibiru? Abraços!!

    ResponderExcluir
  2. Interessante pois eu nao sabia que os Annunakis compartilhavam conhecimento mesmo que para iniciados. So uma pergunta os Annunakis pode se dizer que eram os Reptilianos ? Ou eles viveram em epocas diferentes ? Um forte abraco!

    ResponderExcluir
  3. nos textos aproficos de Moises talvez tbm haja algo sobre os annunakins ,as quais o vaticano na serie de concilios feitos por eles na idade media ,resolveram tambem retirar das paginas da biblia hoje conhecida pela religiao cristã?

    ResponderExcluir